• 5 de abril de 2020

Relíquia da manjedoura de Jesus retorna à Terra Santa

Jerusalém – Israel (Terça-feira, 03-12-2019, Gaudium Press) Na última sexta-feira, 29 de novembro, a Custódia da Terra Santa celebrou o retorno de uma relíquia de madeira que, segundo a tradição, pertenceu à manjedoura de Jesus.

A relíquia estava em Roma há quase 1.400 anos, sendo conservada na Basílica de Santa Maria Maior. Por volta do ano 640, quando os muçulmanos conquistaram a Terra Santa, o Patriarca de Jerusalém, São Sofronio, enviou a manjedoura ao Papa Teodoro I. Agora o Papa Francisco devolveu a relíquia aos católicos na Terra Santa como um presente à Custódia da Terra Santa.

Medindo uma polegada, a relíquia foi apresentada aos fiéis na igreja de Notre Dame, em Jerusalém, para um dia de celebrações e orações. Diversas atividades foram organizadas para recepcionar a relíquia.

Às 09h, o Núncio Apostólico em Israel e Chipre, Dom Leopoldo Girelli, presidiu a celebração da Santa Missa na capela dedicada a Nossa Senhora da Paz, dentro do complexo de Notre Dame. Em seguida, ela foi venerada individualmente pelos fiéis presentes.

Na manhã do dia seguinte, 30 de novembro, a relíquia foi transferida para Belém, coincidindo com o início das celebrações do tempo do Advento. Dessa forma, os fiéis e peregrinos puderam venerar o berço que acolheu o começo da nossa redenção na igreja franciscana de Santa Catarina, localizada ao lado da Igreja da Natividade, em Belém (Cisjordânia), construída onde a tradição indica que Jesus tenha nascido.

O Custódio da Terra Santa, Frei Francesco Patton, manifestou sua alegria pelo presente, ressaltando que a relíquia levará “a alegria do Evangelho” às distintas comunidades cristãs na região. O sacerdote afirmou também que o fragmento da sagrada manjedoura “nos recorda o mistério da encarnação, tão querido por São Francisco, fundamento e modelo de nossa própria vocação”. (EPC)

0 Reviews

Write a Review

Marcley Matos

Read Previous

“Sacramento que não se improvisa”, Papa sobre o matrimônio

Read Next

CNBB emite nota sobre o desrespeito à fé cristã

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *